junho!

Fazia 5 anos que era maio. De repente, quando veio o feriado, junho surgiu, impávido.

O mês mais esperado do ano. O pai do inverno nacional, de festejos para todos os santos que ninguém acredita (mas adora), de fogueira, de curau, de caldo verde. Junho, esse lindo, sempre trouxe consigo coisas boas, a renovação do aniversário. O meio do ano. As roupas mais elegantes. Junhos na praia sempre eram um pouco tristes, chuvosos, sem ter muito o que fazer a não ser…Contemplar. Mas em São Paulo, junho é lindo. Não mais que no sul, eu acho, onde às vezes até neva. Mas é bonito mesmo assim. Um pouco preguiçoso, talvez, seco, difícil pra lavar o cabelo. Mas é o mês do ano em que todo mundo pode dormir de meias, tomar banhos escaldantes e usar hidratante no corpo inteiro sem medo de parecer uma “bichinha”.

Amo junho. E espero que assim que terminarem esses dias horríveis que antecedem meu aniversário todos os anos eu consiga aproveitar muito. Porque, afinal de contas, não há mal que possa durar tanto assim.

Né?

Você também pode ler

1 Comment

  1. Eu super amei o que você escreveu sobre Junho, realmente…amo Junho, adoro esse friozinho, entrar debaixo das cobertas com o amor, assistir um bom filme, tomar um chocolate quente ou comer uma pipoquinha, ir para quermesses e tomar quentão, vinho quente, pasteizinhos, bolo de milho, algodão doceetc. Adoro…rs!

    Ohhh Junho!

    Mil Beijos, Gisele.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *