sobre namorar.


Quem nunca namora adora falar sobre quem sempre namora. Que essas pessoas não conseguem ficar sozinhas, não sabem ser livres, que precisam ter alguém ao lado o tempo todo para se reafirmarem e blá blá blá. Todo esse falatório tem sua verdade, mas não absolutamente.

Eu gosto de namorar e quando me envolvo com alguém, via de regra, penso no potencial que essa pessoa tem de ser algo mais sério. Se meu prazer estivesse só em beijar na boca ou em fazer sexo casual, o compromisso não seria necessário. A questão é que todos nós sabemos, inclusive os solteiros, que namorar não é só isso. Aliás, nos períodos em que estive solteira, aproveitei bastante, vira e mexe narro alguma aventura por aqui.

Não me considero uma dessas pessoas que só sabe ser feliz com outra, mas também não condeno quem seja assim e não dou a mínima se é isso que você pensa. É preciso ter muito cuidado com aquilo que se diz por aí, porque entre parecer sensata e mal amada o que fica para os outros é a segunda opção. Quem namora não quer enxergar que está agindo errado e quem está solteiro, creio eu, não deseja passar essa impressão. Todo o namoro tem seus problemas e só quem está em um relacionamento sabe o que isso significa de verdade. Então, se o casal que por ventura você tenha como referência chega a dar dó, não generalize; nem todos os relacionamentos são assim.

É muito fácil sair por aí analisando os comprometidos como desesperados, é a mesma coisa que dizer que todos os solteiros são grandes frustrados, mal amados e medrosos. Que toda a brasileira é puta, ou que toda a loira é burra. Detesto generalismos. O que mais tem nessa vida é gente com medo de se envolver porque dói ou coisa do tipo ou porque não tem ninguém que valha a pena, já cansei de falar aqui.

“Namorar é uma escravidão, uma bobagem.”

Se você se identifica com essa frase, se é tão inútil e indiferente namorar, porque ficar perdendo tempo PENSANDO sobre isso a ponto de rotular relacionamentos como SEMPRE sendo ruins? Aí num dá.

Existem pessoas que tem medo de ficar sozinhas, eu tenho esse medo, mas não é por isso que eu namoro. Afinal, depois de ter vivido um sem número de relações frustrantes antes de chegar onde eu estou, aprendi que melhor que estar mal acompanhada, definitivamente, é estar só, sem temores, desesperos, sem me comprometer com o primeiro idiota que parecer se interessar. Se depois de comer o pão que o diabo amassou não me considerasse apta a escolher aquilo que me faz feliz apenas porque me faz feliz, sem nenhuma necessidade, não teria a menor credibilidade pra escrever por aqui.

Mas me digam, sinceramente, é realmente melhor desistir de tentar?

Você também pode ler

16 Comments

  1. Definitivamente,não!Tentar é mt melhor!Por mais q o relacionamento não dê certo,as lições q vc tira disso ficam pra tds os próximos.
    Concordo em gênero,nº e grau a respeito das generalizações.

    Seu blog fica a cada dia melhor!
    ;** Erickinha

  2. se você ficar pensando tanto assim no que quer nunca vai encontrar algo que aceite, você não cria como o seu próximo relacionamento vai ser sem conhecer a pessoa, só vai se frustrar assim

  3. adoreei esse post!
    e acho sim que sempre é válido tentar…. e ahh também odeio generalizações!

    esta muito bom o blog ericka, sorry que só consegui comentar hoje hahahaa
    beeijos.

  4. Não acho q desistir seja uma opção saudável. Estar com alguém é tão gostoso ! A gente pode compartilhar experiências, alegrias, tristezas. E quem fala que isso vc faz com os amigos que me desculpe mas nunca teve um relacionamento realmente bom pra comparar.

  5. É como já falei aqui: amar é aceitar os defeitos do outro, pq é claro que é fácil aceitar as qualidades. Acredito que discussões, briguinhas são normais e realmente só o casal mesmo sabe o que se passa no relacionamento. E é melhor assim.
    Sempre vale a pena amar e tentar, insistir!
    Bjo

  6. Não posso dizer que desisti, mas que vááááárias tentativas frustradas e consecutivas dão um certo cansaço, lá isso é verdade! Mas saber que tem tanta gente dando certo, sendo realmente felizes em relacionamentos que valem a pena, dão uma puta força pra quem tá solteiro continuar tentando!

    Bjinho! =]

  7. Concordo geral…
    e não, sempre temos que tentar, se pararmos é pq a esperança e o crer no ser humano acabou!
    viva o amor!

  8. Sinceramente não creio que as pessoas desistem de tentar, apenas dizem que desistiram!
    Mas realmente, dependendo do tempo que se está solteira, a pessoa pensa de um jeito. Se terminou recentemente, geralmente está frustrada e achando q nada mais vale a pena…digo isso por experiencia própria =D
    Mas a questão é que cada um pode pensar o que quiser, desde que não atrapalhe a vida alheia e se sinta bem do jeito q estar, até pq…antes de falar dos outros…melhor olhar para o proprio umbigo!

  9. Vaalll!! E olha que vc disse que ia esquecer do nome de todo mundo, hein? Lembrou até do blog!! HUAHUAHUAHUAHUAH… Bjão! Ameeeiii conhecer vc (e todo o seu jeitinho doido de ser!)

    =]

  10. Adooooooooro namorar, mas… se for pra ficar descontente, ter que fazer tudo pelo outro e não haver companheirismo e reciprocidade, pulo fora com certeza. Além do fato de, geralmente, em relacionamentos eu me sentir sufocada. Daí, fica mais prático ter ‘amigos coloridos’ (um por vez, claro; como sou fiel nos meus relacionamentos, gosto de jogo limpo e mantenho fidelidade também ao amigo colorido.

  11. Está certíssima, Silvia! Ainda bem que tem mulheres confiantes por aí que pensam como vc!

    Obrigada pelo comentário aqui no Hiper, seja sempre bem-vinda!

    Bjão!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *